Centro de Inteligência

Centro de Inteligência

Contexto

O Centro de Inteligência é um departamento da Justiça Federal do Rio Grande do Norte, criado pela criado pela Portaria nº 205/2017 – DF, em observância à Portaria nº 369/2017 – CJF para criar meios administrativos para prevenir demandas repetitivas, bem como de agilizar a sua tramitação processual, através do debate entre os seus componentes e os demais atores do sistema de justiça.

Dentre as demandas repetitivas há a advocacia predatória, que é uma prática que consiste no ajuizamento de ações em massa, através de petições padronizadas, artificiais e recheadas de teses genéricas, em nome de pessoas vulneráveis e com o propósito de enriquecimento ilícito.

Motivação/Justificativa

Atualmente o Centro de Inteligência notifica a detecção de demandas repetitivas para seus magistrados de forma manual, ocasionando mais lentidão na tomada de decisão e sua respectiva solução na Justiça.

Com o desenvolvimento de um Painel de Business Intelligence que possibilite gerar alertas de demandas repetitivas detectadas de forma automática, seria possível notificar os magistrados com antecedência e agilizar assim a tramitação processual.

Objetivos

Desenvolver uma ferramenta computacional que permita identificar automaticamente potenciais situações de demanda repetitiva e demanda predatória na quinta região da justiça federal.

Contribuições esperadas

Desenvolvimento de um sistema de detecção de anomalias que identifique possíveis casos de advocacia predatória, utilizando tecnologias de Inteligência Artificial, para notificar os magistrados do Centro de Inteligência. Também o desenvolvimento de Painéis de Business Intelligence que permitam o acompanhamento dessas anomalias detectadas pelo sistema.